UOL Notícias Notícias
 

25/05/2007 - 10h48

Reino Unido deporta clérigo muçulmano para a Jamaica

Londres, 25 mai (EFE).- O clérigo muçulmano Abdullah al-Faisal, que teve grande influência em um dos quatro autores dos atentados de Londres em 7 de julho de 2005, foi deportado hoje do Reino Unido para a Jamaica, informou hoje o Ministério do Interior.

O ministro do Interior britânico, John Reid, comemorou a deportação de Faisal, que viajou a Kingston pouco depois do meio-dia de hoje a partir do aeroporto londrino de Gatwick.

Faisal, de origem jamaicana, viajou escoltado por dois policiais e um agente de imigração, após perder o recurso contra sua deportação, disseram fontes do Interior.

Em 2003, Abdullah al-Faisal tinha sido condenado a nove anos de prisão devido a discursos nos quais incitava jovens muçulmanos a matar americanos, hindus e judeus, mas o Tribunal de Apelações reduziu depois para uma pena de sete anos.

Segundo as autoridades do Reino Unido, o clérigo teve uma grande influência sobre Germaine Lindsay, um dos quatro terroristas suicidas dos atentados de 7 de julho contra a rede de transportes de Londres.

Lindsay, de origem jamaicana, detonou uma bomba em um trem do metrô de Londres na estação de King's Cross, onde 26 pessoas morreram.

Nos ataques de 7 de julho, 56 pessoas morreram - entre eles, quatro terroristas - e cerca de 700 ficaram feridas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host