UOL Notícias Notícias
 

27/06/2007 - 06h44

Iranianos queimam postos de gasolina após anúncio de racionamento

Teerã, 27 jun (EFE).- Grupos de iranianos queimaram vários postos de gasolina em protesto contra uma decisão do Governo de racionar a gasolina.

A medida vale para todo o país a partir de hoje. Os cartões inteligentes permitirão a cada iraniano com carro particular um total de 100 litros de gasolina por mês, subsidiados pelo Governo.

O Ministério do Petróleo anunciou a decisão ontem à noite, cerca de três horas antes de sua entrada em vigor. Houve protestos em diversas áreas do país, especialmente na capital.

Centenas de veículos faziam fila em quase todos os postos de gasolina do país. Muitos de seus proprietários se queixavam de que a decisão era uma "surpresa", apesar de ter sido tomada após semanas de debates entre o Parlamento e o Governo.

A rádio estatal iraniana informou esta manhã que "vândalos" atacaram várias postos de gasolina. Mas não revelou o número exato nem deu detalhes sobre os prejuízos.

O Irã é um dos principais membros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). Mas precisa importar mais de 40% de suas necessidades de gasolina.

"O racionamento permitirá a economia anual de cerca de US$ 2 bilhões que o Irã pagava para importar gasolina", disse o deputado Mohsen Kohken à agência "Irna", defendendo a medida.

A "Irna" destacou que a medida tem como principal objetivo "reduzir a importação de vários produtos, inclusive a gasolina". A cota para os carros do Governo será de 300 litros, e para os táxis, 800.

O Governo adiou em várias ocasiões o racionamento de gasolina. Em maio, reduziu o subsídio sobre o produto, causando assim um aumento de 25% nos preços.

O ministro do Petróleo, Kazem Vaziri-Hamaneh, citado pela "Irna", afirmou, apesar de tudo, que o Governo "não permitirá que a população tenha problemas" e, se não houver outra solução, poderá até "abolir a lei de racionamento".

Alguns comentaristas consideram que o racionamento faz parte de um plano do Governo de se preparar para fazer possíveis sanções contra o Irã devido a suas atividades nucleares.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h50

    -0,22
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h58

    -0,41
    75.662,47
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host