UOL Notícias Notícias
 

01/07/2007 - 21h04

Menem e Cecilia Bolocco deram entrada em papéis de divórcio, diz jornal

Santiago do Chile, 1º jul (EFE).- O ex-presidente da Argentina Carlos Menem e a ainda sua atual esposa, a chilena Cecilia Bolocco, deram entrada nos papéis de divórcio através de seus advogados, informa hoje o jornal "La Cuarta".

Segundo a publicação, o processo corre bem, embora falte determinar o regime de visitas de Menem ao filho do casal, Máximo, assim como a pensão que o ex-presidente dará para ajudar na educação, na alimentação e na saúde daquele.

O "La Cuarta", que atribui as informações a pessoas próximas da Bolocco, informou esta semana que três advogados de Menem estiveram na capital chilena para entregar a Cecilia uma minuta de acordo que esperam entregar aos tribunais argentinos para que tudo seja resolvido antes do fim do ano.

O ex-presidente e a ex-Miss Universo se casaram na Argentina, em 26 de maio de 2001, por isso os trâmites relacionados ao divórcio correm nesse país.

Segundo o "La Cuarta", Cecilia quer que no documento fique muito claro que a custódia legal de Máximo é dela, e que não exista possibilidade alguma de, após um tempo, surgir alguma discussão legal sobre o tema.

O divórcio do casal passou a ser discutido depois que foram publicadas no Chile fotos nas quais Bolocco aparece quase nua e em cenas comprometedoras com um amigo italiano.

As fotos, da casa que Bolocco tem em Miami e que a mostram junto ao italiano Luciano Marocchino, foram tiradas pelo paparazzo chileno Ángel Mora.

Segundo o "La Cuarta", embora o ex-líder argentino "tenha as rédeas da situação", já que poderia acusar Cecilia de infidelidade, os assessores de Menem, como o advogado Pedro Baldi, recomendaram que o divórcio seja consumado sem maiores problemas.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host