UOL Notícias Notícias
 

27/08/2007 - 06h04

Militar holandês morre em atentado no sul do Afeganistão

Bruxelas, 27 ago (EFE).- Um sargento holandês morreu e um cabo da mesma nacionalidade ficou ferido na explosão na noite deste domingo de uma bomba caseira na província de Oruzgan, no sul Afeganistão, informou hoje o Ministério da Defesa da Holanda.

Os militares faziam parte da Força de Assistência para a Segurança (Isaf) desdobrada no Afeganistão sob comando da Otan.

O sargento M.R. Rosier, de 30 anos, encontrava-se 12 quilômetros ao norte da base holandesa de Deh Rawod e tinha saído de seu veículo para buscar uma bomba quando aconteceu a detonação que o matou, segundo um comunicado do Ministério divulgado pela agência holandesa "ANP".

Já B. van Mourik, de 23 anos, o cabo que o acompanhava, teve ferimentos na cabeça, mas não corre risco de morte.

Rosier é o décimo militar holandês morto durante a missão internacional que tenta estabilizar o país após a derrocada do regime talibã, e a sexta vítima fatal como conseqüência direta de uma ação violenta.

O Governo da Holanda, que atribui este atentado a radicais talibãs, estuda atualmente a conveniência de prolongar a presença de militares de seu país no Afeganistão para além de agosto de 2008.

Cerca de 1.800 soldados holandeses estão desdobrados em Oruzgan, segundo a "ANP".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h30

    -0,71
    3,145
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h34

    -0,70
    65.208,86
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host