UOL Notícias Notícias
 

04/04/2008 - 23h24

Chávez reitera: "pagarei até o último centavo a cimenteiras nacionalizadas"

Caracas, 4 abr (EFE).- O presidente venezuelano, Hugo Chávez, reiterou hoje que pagará "até o último centavo" às empresas estrangeiras que produzem cimento em seu país, as quais confirmou que seu Governo submeterá em breve a um processo de nacionalização.

"Quero garantir que nós respeitamos o direito dessas empresas. A Venezuela demonstrou ser um país responsável; ou seja, reconheceremos seus ativos e lhes pagaremos até o último centavo, mas vamos recuperar as empresas de cimento privatizadas e (entregues) a multinacionais", disse em discurso diante de jovens que terminaram seus estudos universitários.

As principais empresas dessa indústria na Venezuela são a mexicana Cemex, responsável por cerca da metade das 12 milhões de toneladas da produção nacional do produto, além de boa parte da de concreto e agregados (areia e taxa); a francesa Lafarge, com um quarto do total de cimento produzido, assim como a suíça Holcim, com cerca de 17% do setor.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h19

    -0,59
    3,264
    Outras moedas
  • Bovespa

    16h20

    0,99
    63.855,40
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host