UOL Notícias Notícias
 

21/08/2008 - 09h13

Tribunal de Londres determina liberar dados para defender preso em Guantánamo

Londres, 21 ago (EFE).- O Tribunal Superior de Londres determinou hoje que o Governo britânico tem o dever de desclassificar - retirar o caráter sigiloso - as informações que permitam apoiar a defesa de um preso detido na base americana de Guantánamo, em Cub).

Binyam Mohammed, detido em 2002 no Paquistão e que tem residência britânica, havia se apresentado em maio passado aos tribunais para exigir que o Governo oferecesse dados que apóiem sua defesa, pois considera que as provas obtidas contra ele foram obtidas sob tortura.

Dois juízes do citado tribunal - Lord Thomas e Lloyd Jones - consideraram que o Ministério de Assuntos Exteriores britânico tem o dever de "revelar em sigilo" aos assessores legais de Mohammed informações relativas ao preso, já que é "necessária" e "essencial" para sua defesa.

Mohammed, de 30 anos, enfrenta um julgamento militar nos Estados Unidos, no qual, se for declarado culpado, poderá ser condenado à morte, segundo seus representantes legais.

A equipe de defesa de Mohammed, liderada pelo advogado de direitos humanos Clive Stafford Smith, afirma que o Governo britânico tem provas de que o testemunho do detido foi obtido sob tortura.

Além disso, a equipe quer ter evidências de que o preso, nascido na Etiópia, foi submetido a uma entrega extraordinária (prisão extrajudicial e detenção de suspeitos de terrorismo em outros países).

Mohammed, que chegou ao Reino Unido em 1994 pedindo asilo, foi detido quando saía do Paquistão e entregue às autoridades americanas.

Ele afirma que foi levado ao Marrocos em julho de 2002 em um avião da CIA e que ficou preso no país durante vários meses, durante os quais foi cortado com uma lâmina de barbear no peito e nos órgãos genitais.

Em 2004, foi transferido para o Afeganistão, e depois, naquele mesmo ano ,para Guantánamo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host