UOL Notícias Notícias
 

22/01/2009 - 15h53

Paris examinará 'caso a caso' para receber presos de Guantánamo

Paris, 22 jan (EFE).- A França examinará "caso a caso" a possibilidade de receber presos da base de Guantánamo, declarou hoje o porta-voz adjunta do Ministério de Relações Exteriores francês, Frédéric Desagneaux, ao conhecer a decisão americana de fechar a prisão.

"França dá as boas-vindas ao (...) decreto de fechamento do centro de detenção de Guantánamo", declarou Desagneaux.

E quanto à possibilidade que os detidos recebem asilo em em território francês acrescentou que se "avaliarão atentamente as implicações judiciais e o risco para a segurança".

O porta-voz lembrou que o ministro francês de Relações Exteriores, Bernard Kouchner, manifestou seu desejo de que se examine favoravelmente "a possibilidade de receber prisioneiros libertados de Guantánamo que o solicitem e contra os quais não pesem cargos".

"Os prisioneiros da base americana em Cuba contra os quais não haja acusação não devem ser enviados aos seus países de origem se correm o risco de ser perseguidos", acrescentou o porta-voz.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h00

    -0,15
    3,261
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h02

    1,13
    63.369,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host