UOL Notícias Notícias
 

05/03/2009 - 15h56

EUA devem convidar Irã para conferência sobre o Afeganistão

Bruxelas, 5 mar (EFE).- A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, propôs hoje a seus colegas da Otan a realização de uma conferência internacional sobre a situação no Afeganistão e sua região, à qual Washington deve convidar o Irã, país com o qual não têm relações diplomáticas desde 1980.

A reunião, que recebeu o apoio geral dos ministros aliados, se realizaria em 31 de março, em um lugar ainda por determinar.

Entre os convidados figuraria também Irã, país com o qual o presidente americano, Barack Obama, prometeu diálogo e aproximação, apesar de continuar se opondo ao programa nuclear de Teerã.

Esta postura recebeu o apoio explícito do ministro francês de Relações Exteriores, Bernard Kouchner, que confiou em que o Governo iraniano tome parte na iniciativa.

Segundo o secretário-geral da Otan, Jaap de Hoop Scheffer, os ministros se mostraram de acordo em que é necessário dar um enfoque regional à crise, oferecer um esforço civil mais coordenado e, ao mesmo tempo, mobilizar mais tropas para garantir a segurança.

Além disso, os aliados expressaram sua satisfação pela decisão afegã de finalmente realizar eleições em agosto, o que, segundo eles, dará mais margem para preparar adequadamente o processo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    14h50

    0,34
    3,168
    Outras moedas
  • Bovespa

    14h59

    0,54
    74.843,06
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host