UOL Notícias Notícias
 

21/06/2009 - 05h43

Polícia iraniana adverte à oposição que atuará "com decisão"

Teerã, 21 jun (EFE).- O chefe da Polícia Iraniana, Ismail Ahmadi Moghadam, advertiu à oposição que as Forças de Segurança reprimirão "com decisão" qualquer tipo de protesto nas ruas.

Em carta enviada ao líder opositor Mir Hussein Moussavi, o comissário diz que as ações deste tipo são completamente ilegais.

"Uma vez anunciado o resultado das eleições, seus seguidores, em um ato ilegal, saíram às ruas e perturbaram a ordem pública e a segurança da sociedade", diz a carta, publicada pelo jornal reformista "Etemad Melli".

E acrescenta que "os bandidos estão atuando à sombra da atmosfera ilegal que o senhor criou... Mais de 400 policiais ficaram feridos".

O Irã é palco de protestos e violentos confrontos desde que há uma semana o Ministério do Interior concedeu ao atual presidente Mahmoud Ahmadinejad uma polêmica vitória por uma surpreendente maioria absoluta.

A situação foi especialmente tensa neste sábado, uma vez que as Forças de Segurança e as milícias islâmicas "Basij" reprimiram com violência uma tentativa de manifestação no centro de Teerã.

As consequências da repressão são desconhecidas com exatidão, porque as autoridades iranianas vetaram a presença da imprensa internacional nas ruas do país.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h50

    0,35
    3,168
    Outras moedas
  • Bovespa

    11h50

    0,47
    74.792,29
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host