UOL Notícias Notícias
 

27/07/2009 - 06h21

R.Unido joga ao Afeganistão responsabilidade por paz no país

Bruxelas, 27 jul (EFE).- O ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, David Miliband, atribuiu hoje às autoridades afegãs, e especialmente ao presidente que for eleito no pleito de agosto, a responsabilidade final de conseguir uma paz duradoura no país.

O secretário do Foreign Office escolheu a sede da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) para pronunciar um discurso sobre a estratégia aliada e da comunidade internacional no Afeganistão, em um momento muito difícil para os soldados britânicos no local.

"Estamos em uma encruzilhada para a história do Afeganistão e nosso trabalho aqui. As eleições de 20 de agosto têm que ser críveis e inclusivas", disse o chefe da diplomacia britânica perante um auditório composto de embaixadores, militares e jornalistas.

Após lembrar que os Aliados estão "fazendo tudo o que podem para garantir que o processo seja o mais justo possível", advertiu que a chave está nos próprios governantes afegãos.

"Em último caso, o que decidirá se estas eleições marcarão um giro não é só se os candidatos apresentarão programas claros, mas se são capazes de aplicá-los", afirmou.

Para Miliband, "a mudança maior neste momento deve consistir em que o Estado afegão assuma mais responsabilidades".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host