UOL Notícias Notícias
 

18/01/2010 - 19h22

Brasil tem condições de dobrar presença no Haiti, diz comandante

Brasília, 18 jan (EFE).- O Brasil está em condições de duplicar em um curto prazo o número de soldados que mantém no Haiti, para colaborar com a reconstrução do país e ajudar as vítimas do terremoto do último dia 12, disse hoje o comandante do Exército, Enzo Martins Peri.

"Estaríamos em condições de duplicar nosso efetivo em um curto prazo, inclusive com tropas que já estiveram no Haiti e conhecem o terreno", declarou em entrevista coletiva o comandante do Exército, Enzo Martins Peri.

O general esclareceu, no entanto, que uma decisão do tipo só poderá ser tomada em conjunto com as Nações Unidas e, além disso, deve ser aprovada pelo Congresso Nacional.

O Brasil está há cinco anos à frente das tropas de paz da Missão de Estabilização da ONU no Haiti (Minustah), formada por soldados e policiais de dezenas de países.

Peri confirmou que, dos 1.266 militares brasileiros que estavam no Haiti no momento em que aconteceu o terremoto, 16 morreram e outros dois seguem desaparecidos.

A médica Zilda Arns, fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança, e Luiz Carlos da Costa, o segundo civil mais importante na hierarquia da ONU no Haiti, também morreram no tremor.

A possibilidade de que o Brasil amplie sua presença militar no Haiti também foi comentada hoje pelo ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim.

"Não excluo a possibilidade de que, à medida que as coisas evoluam, e se fossem necessários mais soldados, sejam enviados", declarou Amorim no Rio de Janeiro.

O terremoto de 7 graus na escala Richter aconteceu às 19h53 (Brasília) da terça-feira passada e teve epicentro a 15 quilômetros da capital haitiana, Porto Príncipe. Segundo declarações à Agência Efe, o primeiro-ministro do Haiti, Jean Max Bellerive, acredita que o número de mortos superará 100 mil.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host