UOL Notícias Notícias
 

29/01/2010 - 09h50

Italiana acusada nos EUA de sequestrar filho é detida em Roma

Roma, 29 jan (EFE).- A italiana Manuela Antonelli foi detida em Roma por uma ordem de captura e extradição aos Estados Unidos, onde é acusada de sequestrar o filho de 8 anos que teve com um americano, como noticia hoje a imprensa local.

Antonelli, de 47 anos, é acusada de levar para Itália o filho Lian sem o consenso do pai. Ela foi detida ontem depois de ter se negado a comunicar a Justiça de Roma onde a criança estava.

O advogado da italiana, Francesco Caroleo Grimaldi, explicou que a mulher está "desesperada", mas que nunca comunicará onde está o filho. Segundo ele, todos os procedimentos possíveis serão iniciados para tentar evitar a extradição.

A detenção da mãe acontece após vários anos de batalhas judiciais entre ela e o pai de Lian, Mike Mcharty, em cortes americanas.

Antonelli acusou em 2006 o pai de Lian de abusar sexualmente da criança, mas ele foi absolvido em 2009. Na época, mãe e filho já tinham se mudado para a Itália.

Os pais de Lian aparecem com frequência em programas de TV americanos e italianos para apresentar seus argumentos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,40
    3,181
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    2,01
    70.011,25
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host