UOL Notícias Notícias
 

05/02/2010 - 16h19

Tribunal autoriza passeata neonazista em alusão aos ataques de Dresden

Berlim, 5 fev (EFE).- O Tribunal Administrativo de Dresden, na Alemanha, autorizou hoje a manifestação neonazista convocada para o próximo dia 13 de fevereiro, por causa do 65º aniversário dos bombardeios aliados sobre a capital saxã poucos meses antes do fim da Segunda Guerra Mundial.

A câmara aceitou o recurso apresentado por uma organização juvenil (ultradireitistas da região) que desejam concentrar 6 mil pessoas na manifestação.

Com isso revogou a resolução das autoridades de Dresden, que pretendiam autorizar unicamente uma concentração em um lugar isolado, sob o argumento de que a manifestação pela cidade envolve graves riscos de conflitos entre neonazistas e os opositores de esquerda.

Em anos anteriores nas comemorações do aniversário, a cidade foi já palco de conflitos, apesar das fortes operações de segurança.

Na noite de 13 para 14 de fevereiro de 1945, a cidade foi alvo de uma operação de aviação aliada que causou a morte de 35 mil pessoas e arrasou boa parte da capital saxã.

Dresden foi assim marcada como "cidade mártir" de bombardeios considerados pela maioria dos historiadores como uma represália cruel que castigou a população civil.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host