UOL Notícias Notícias
 

12/02/2010 - 08h44

Israel cobra impostos atrasados de Bar Refaeli, diz jornal

Jerusalém, 12 fev (EFE).- O Governo israelense pediu à modelo Bar Refaeli para que pague "grandes quantidades" de impostos atrasados, informou hoje o jornal econômico local "The Marker".

Refaeli pretende anular a residência fiscal em seu país natal, onde não mora, algo que seus representantes negociam há meses com o fisco israelense e que levaria a modelo a economizar muito dinheiro, segundo o jornal.

A receita federal israelense argumenta que o centro da vida de Refaeli continua sendo Israel, apesar de ter registrado uma companhia sua em Cingapura e de passar mais de metade do ano fora do país.

Além disso, defende que a modelo não paga impostos nos Estados Unidos, onde a maior parte de sua renda tem origem, e portanto deveria fazê-lo em Israel.

A porta-voz da autoridade fiscal israelense, Idit Lev-Zerahia, se recusou a comentar a notícia por questões de normativas internas sobre os dados fiscais de particulares.

Refaeli foi duramente criticada em seu país desde que se soube há três anos que se casou e se divorciou pouco depois com um conhecido da família para escapar do serviço militar obrigatório.

Sua atual tentativa de mudar de residência fiscal também gerou mal-estar. De forma isolada, o Exército israelense chegou pedir um boicote a seus produtos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,02
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,02
    75.974,18
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host