UOL Notícias Notícias
 

18/02/2010 - 18h01

Presidente do Níger sofre tentativa de golpe

Paris, 18 fev (EFE).- O presidente do Níger, Mamadou Tandja, foi alvo de uma tentativa de golpe de Estado hoje no palácio presidencial de Niamey, confirmaram à Agência Efe diplomatas franceses.

Segundo eles, a situação na capital é "muito confusa" e houve um tiroteio por volta das 10h (Brasília) perto do palácio presidencial. Outras fontes disseram à Efe que o presidente e o Gabinete estão retidos contra a vontade.

O golpe teria acontecido durante uma reunião do Conselho de Ministros do país, segundo as mesmas fontes, que não falaram sobre a origem do motim.

A rádio estatal interrompeu a programação para emitir música militar por volta das 17h (Brasília), o que indica o provável sucesso do golpe.

Espera-se que nas próximas horas os militares se dirijam ao país por rádio para esclarecer suas intenções, como nos três golpes de Estado já ocorridos no país, o último deles em 1999.

Segundo disseram à Efe fontes do setor de saúde, o número de vítimas nos enfrentamentos entre as forças leais ao presidente e os responsáveis pela tentativa de golpe pode ser alto.

O Níger atravessa uma crise sociopolítica desde que, no plebiscito de 4 de agosto, Tandja conseguiu prolongar o mandato presidencial. O resultado do pleito foi amplamente contestado pela oposição.

Os opositores boicotaram as eleições legislativas que seguiram o plebiscito. A Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental (Cedeao) suspendeu o Níger como membro.

Um dos países mais pobres do mundo e com piores índices de desenvolvimento humano, o Níger possui grandes reservas de urânio no norte do país, exploradas principalmente pela companhia francesa Areva.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host