UOL Notícias Notícias
 

26/02/2010 - 12h56

Turquia prende mais 18 militares ligados a plano golpista

Istambul (Turquia), 26 fev (EFE).- Mais 18 militares foram detidos hoje na Turquia na operação contra um plano golpista que tinha como objetivo derrubar o Executivo do moderado Recep Tayyip Erdogan em 2003.

Segundo a emissora "NTV", os militares foram presos em uma operação policial leva a cabo em 13 localidades diferentes. De todos os detidos, só um é da reserva.

Como um tribunal de Istambul é o encarregado do caso, os 18 militares foram levados para a cidade.

Na última segunda-feira, enquanto Erdogan visitava a Espanha, 49 oficiais do Exército foram detidos, entre eles 17 generais da reserva e quatro almirantes na ativa.

Até agora, dos 67 militares turcos detidos por sua ligação com o plano golpista, 31 foram presos preventivamente.

Os militares detidos pretendiam cometer atentados contra duas mesquitas de Istambul, derrubar um avião militar turco no Mar Egeu e prender intelectuais que fazem críticas ao Exército.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host