UOL Notícias Notícias
 

01/03/2010 - 14h03

Chile despreza cálculo americano sobre danos do terremoto

Santiago do Chile, 1 mar (EFE).- O ministro da Fazenda chileno, Andrés Velasco, desprezou hoje os cálculos da empresa de consultoria americana Eqecat, segundo os quais os danos causados pelo terremoto do sábado passado no Chile oscilam entre US$ 15 bilhões e 30 bilhões.

"É um número que vem do exterior, fornecido por uma empresa que tem um modelo puramente teórico, sem nenhuma informação de terreno", disse Velasco à imprensa local.

O ministro acrescentou que o Governo chileno está fazendo um trabalho "muito rigoroso" para levantar os números da catástrofe, recolhendo informação diretamente dos afetados.

"Isso, evidentemente, não acontece em 24 horas, especialmente porque estivemos no fim de semana centrados no que é mais urgente", afirmou.

Segundo a Eqecat, os danos representam entre 10% e 15% do Produto Interno Bruto (PIB) chileno, e poderiam ter sido maiores se o Chile não contasse com um sistema de edificação moderno e resistente a terremotos.

Além disso, indicou que a reconstrução implicará um investimento superior ao montante dos danos, já que deverá envolver padrões ainda superiores aos atuais.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,84
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,35
    68.594,30
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host