UOL Notícias Notícias
 

04/03/2010 - 08h21

Policial argentino morre baleado em briga entre torcedores

Buenos Aires, 4 mar (EFE).- Um agente da Polícia Federal argentina morreu na noite de quarta-feira depois ser baleado na cabeça durante uma briga entre dois grupos de torcedores violentos do Estudiantes de La Plata.

O episódio aconteceu na estação de trem da cidade de La Plata, a 50 quilômetros de Buenos Aires. Quando o tiro que matou o agente foi disparado, o local estava tomado por centenas de torcedores que iriam até Quilmes assistir a um jogo do Estudiantes contra o Argentinos Juniors.

A Polícia disse que outras duas pessoas ficaram feridas na briga e que vários dos torcedores que efetuaram disparos com revólveres e pistolas "de diferentes calibres" foram detidos.

"Foi um desenlace anunciado", noticiou hoje o jornal "El Día". De acordo com a publicação, o caso é "um novo capítulo de uma história de violência armada que se desenvolve aos olhos de todos, mas que ninguém freia".

A Justiça argentina já investiga cinco episódios de violência entre torcedores do Estudiantes ocorridos desde junho de 2009 em estádios e nas ruas.

No último dia 11, vários integrantes da ala violenta da torcida do Estudiantes invadiram um treino da equipe e, de forma agressiva, pediram dinheiro e ingressos para um jogo do clube pela Copa Libertadores.

O clube anunciou a adoção de medidas contra os sócios que faziam parte do grupo, mas o fato sequer foi denunciado à Polícia.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,84
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,35
    68.594,30
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host