UOL Notícias Notícias
 

04/03/2010 - 00h55

UE anuncia plano de auxílio ao Haiti, incluindo zonas distantes do terremoto

Em Santo Domingo
  • Moradores de Concepción, no Chile, correram para áreas mais altas com medo de que novo terremoto de 5,9 graus gerasse tsunami

    Moradores de Concepción, no Chile, correram para áreas mais altas com medo de que novo terremoto de 5,9 graus gerasse tsunami

A União Europeia (UE) deve executar um plano a longo prazo de auxílio ao Haiti, incluindo localidades próximas à República Dominicana, que não foram afetadas pelo terremoto do último dia 12 de janeiro.

A informação foi dada pela comissária da UE para Cooperação Internacional, Ajuda Humanitária e Defesa Civil, Kristalina Georgieva, que assegurou, no entanto, que a maior ajuda será destinada para regiões devastadas, como Porto Príncipe, Leógane e Jacmel, entre outras.

A funcionária destacou que outras localidades haitianas continuam sofrendo com problemas básicos como acesso a alimentos e água potável, assistência sanitária e exclusão social.

Georgieva, que se reuniu hoje no Haiti com o presidente René Préval, fez as declarações após um encontro com o ministro dominicano de Economia e Planejamento, Temístocles Montás.

A comissária explicou que a ajuda da UE tem o objetivo de contribuir para que as pessoas reconstruam suas vidas, criando condições de trabalho e oferecendo oportunidades para a educação.

Ela garantiu ainda a participação da União Europeia em reunião de alto nível técnico dos países doadores, que deve ser realizada ainda neste mês em Santo Domingo, para abordar um plano de ação para a refundação do Haiti.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,56
    3,261
    Outras moedas
  • Bovespa

    18h21

    1,28
    73.437,28
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host