UOL Notícias Notícias
 

06/03/2010 - 19h48

Enfermeira de líder militar das Farc se entrega

Bogotá, 6 mar (EFE).- A enfermeira pessoal que atendeu durante quatro anos o líder militar das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), 'Mono Jojoy', entregou hoje as armas, informaram as autoridades em comunicado.

Conhecida pelo apelido 'Tania', a enfermeira se juntou às Farc há 17 anos e passou quatro junto ao comandante rebelde. Ela se entregou em um quartel do Exército colombiano em Villavicencio, capital do departamento de Meta.

Segundo fontes militares, 'Tania' passou conhecimentos de enfermaria e bacteriologia para outros insurgentes, o que a levou a ganhar a confiança de 'Mono Jojoy'.

'Mono Jojoy' ou 'Jorge Briceño Suárez', cujo verdadeiro nome é Víctor Julio Suárez Rojas, padece de diabetes crônica, motivo pelo qual há diversas especulações sobre seu estado de saúde.

O Exército informou que 'Tania' se entregou porque "estava sendo submetida a inumeráveis abusos físicos e morais após a perseguição das autoridades à organização guerrilheira".

A enfermeira explicou às autoridades que se juntou às Farc quando tinha apenas 14 anos de idade.

A motivação que teve então foi a de "salvar a vida de seu irmão". Ela contou que, em 1998, participou da tomada guerrilheira de Mitú, no departamento de Vaupés, no sudeste da Colômbia, na qual 16 policiais e militares morreram e 61 foram sequestrados.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host