UOL Notícias Notícias
 

11/03/2010 - 14h37

Biden analisa esforços pela paz no Oriente Médio com rei da Jordânia

Amã, 11 mar (EFE).- O vice-presidente dos Estados Unidos, Joseph Biden, chegou hoje a Amã, onde deverá se reunir com o rei jordaniano Abdullah II para analisar os esforços que estão sendo feitos para conseguir a paz no Oriente Médio.

Segundo um comunicado da Casa Real jordaniana, o vice-presidente americano revisará com o monarca "os últimos eventos na região, especialmente os esforços desenvolvidos para chegar a uma solução do conflito palestino-israelense sobre a base de uma visão de dois Estados".

A nota acrescenta que eles também estudarão meios para impulsionar a cooperação bilateral.

A visita de dois dias à Jordânia faz parte de uma viagem pela região, que já levou Biden a Israel e aos territórios palestinos.

O ministro de Assuntos de Imprensa e Comunicação jordaniano, Nabil Sharif, disse nesta quarta-feira que a Jordânia pedirá a Biden que pressione Israel para deter "ações unilaterais" em Jerusalém Oriental, como a construção de colônias.

No dia 9 de março, durante a visita do vice-presidente americano a Israel, as autoridades do país anunciaram que pretendem construir 1,6 mil novas casas e assim expandir a colônia judia de Ramat Shlomo em Jerusalém Oriental.

O local é considerado território ocupado pela comunidade internacional desde a Guerra dos Seis Dias em 1967.

Além disso, fontes municipais confirmaram hoje à Agência Efe que a Prefeitura de Jerusalém tem planos de construir cerca de 50 mil casas em assentamentos judaicos na parte oriental.

A imprensa jordaniana criticou o fracasso de Biden que não convenceu os dirigentes israelenses a pararem com a construção e ampliação dos assentamentos em Jerusalém Oriental.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,22
    3,148
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h22

    0,64
    65.099,56
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host