UOL Notícias Notícias
 

11/03/2010 - 13h52

População litorânea do Chile deixa residências após alerta de tsunami

Santiago do Chile, 11 mar (EFE).- A Marinha do Chile emitiu hoje um alerta de tsunami após o forte tremor de 7,2 graus na escala Richter, que sacudiu o centro-sul do Chile às 11h39 (horário local e de Brasília) e foi seguido por outros dois de 6 graus menos de uma hora depois.

O governo local ainda não informou se há vítimas. O terremoto aconteceu pouco antes e durante a cerimônia de posse do novo presidente chileno, Sebastián Piñera, que terá pela frente a tarefa de coordenar a reconstrução das áreas do país que foram atingidas por um tremor ainda mais forte que o desta quinta-feira, ocorrido em 27 de fevereiro.

Segundo o Instituto Sismológico do Chile, o epicentro do primeiro tremor de hoje foi registrado a 40 quilômetros a oeste de Pichilemu, cidade litorânea localizada na região de O'Higgins.

Após o abalo, o alerta do Serviço Hidrográfico e Oceanográfico (SHOA) da Marinha chilena fez o alerta de tsunami e recomendou à população das zonas litorâneas para deixar suas casas e seguir para lugares mais altos entre as regiões de Coquimbo, a 500 quilômetros de Santiago, e Los Lagos, a mil quilômetros da capital.

De acordo com informações da rádio "Bío-Bío", todas as pessoas próximas à zona costeira deixaram suas casas com tranquilidade e em ordem, e só retornarão após as autoridades derem garantias de segurança.

Em Santiago, pessoas que trabalham em edifícios e sentiram o abalo foram às ruas. Algumas delas não conseguiam esconder o nervosismo pela situação, chegando a desmaiar.

Os colégios da capital interromperam as aulas, e pais foram às pressas buscar seus filhos. Trens e metrôs se deslocaram lentamente, e alguns serviços de comunicações foram cortados, como o de telefonia celular.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,97
    3,127
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,99
    64.389,02
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host