UOL Notícias Notícias
 

12/03/2010 - 17h43

Inundações deixam pelo menos 30 mortos no Cazaquistão

(Atualiza número de mortos).

Moscou, 12 mar (EFE).- Pelo menos 30 pessoas morreram em uma aldeia no sudoeste do Cazaquistão em consequência de graves inundações provocadas pelo degelo da primavera e pelas chuvas que atingem a região, informaram hoje as autoridades cazaques.

No total, 60 casas foram destruídas pelas águas na província de Almaty, disse à agência russa "Interfax" um porta-voz do Departamento de Emergência local.

A fonte explicou que o degelo e as chuvas provocaram a ruptura de uma represa em um reservatório, e várias aldeias ficaram alagadas. Por isso, os habitantes destes locais tiveram que ser evacuados.

As inundações provocaram a suspensão do tráfego ferroviário e o fechamento de várias estradas na região.

O presidente do Cazaquistão, Nursultan Nazarbayev, ordenou a criação de uma comissão governamental para enfrentar a situação de emergência e socorrer os desabrigados.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host