UOL Notícias Notícias
 

17/03/2010 - 13h31

FMI adverte sobre revoltas civis se não houver avanços financeiros

Bruxelas, 17 mar (EFE).- O diretor-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Dominique Strauss-Kahn, pediu hoje que sejam aceleradas as reformas das finanças mundiais, empreendidas após a crise financeira, e considerou que, se o processo atrasar, pode até mesmo haver "revoltas" dos cidadãos.

"A opinião pública está impaciente", resumiu Strauss-Kahn em discurso perante o Parlamento Europeu, no qual mostrou preocupação com o ritmo das negociações internacionais nesse âmbito.

O líder do FMI ressaltou que o mundo está diante "da oportunidade e do dever" de reformar suas instituições financeiras para que elas sejam "fortes e resistentes às crises". Além disso, ele advertiu que a disposição de cooperar mostrada por todos os países está se reduzindo.

"Cada Governo se centra no interior, em sua própria agenda, e pode ser que dentro de seis meses a vontade de trabalhar juntos já não seja tão forte", avisou.

Para Strauss-Kahn, a sociedade não aceitaria uma nova onda de salvamento de bancos por parte do setor público nem que se continuem pagando bônus multimilionários no mundo das finanças.

Para ele, sem coordenação internacional no âmbito financiero, a economia corre o risco de voltar a cair - embora a recuperação global esteja "melhor do que o esperado" - pois os problemas provocados pela crise ainda subsistem e devem ser afrontados.

O FMI prevê um crescimento global de 4% este ano, mas adverte que a recuperação segue a "distintas velocidades", com as economias mais avançadas ainda dependendo do apoio público em contraste com o crescimento "mais robusto" das potências emergentes.

Para Strauss-Kahn, os estímulos iniciados pela maior parte dos Governos devem continuar por enquanto.

"O que necessitamos agora são estratégias que restaurem a sustentabilidade fiscal, mas que não freiem a recuperação econômica com uma retirada precipitada demais dos estímulos", opinou.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -1,03
    3,146
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,09
    68.714,66
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host