UOL Notícias Notícias
 

18/03/2010 - 13h41

EUA e Rússia esperam assinar tratado de desarmamento nuclear em breve

  • A secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, acena ao chegar ao aeroporto de Moscou, na Rússia

    A secretária de Estado dos Estados Unidos, Hillary Clinton, acena ao chegar ao aeroporto de Moscou, na Rússia

Moscou, 18 mar (EFE).- A secretária de Estado americana, Hillary Clinton, e o ministro de Assuntos Exteriores russo, Serguei Lavrov, expressaram hoje sua confiança na pronta assinatura do novo tratado de desarmamento nuclear entre os dois países.

"Os resultados das últimas rodadas (de conversas) fazem pensar que concluiremos as negociações em breve" sobre o novo tratado de redução de armas estratégicas, afirmou Hillary em entrevista coletiva concedida junto com seu colega russo.

Hillary destacou que os negociadores que definem o texto do novo tratado em Genebra informaram hoje em Moscou sobre "avanços" nas negociações.

Lavrov se mostrou "satisfeito" sobre como os negociadores de ambos os países cumprem o encomendado pelos presidentes da Rússia, Dmitri Medvedev, e dos Estados Unidos, Barack Obama, após sua reunião de julho passado em Moscou.

"Temos muitas razões para achar que estamos na parte final da última etapa e esperamos que os negociadores nos informem em breve sobre o fim de seus trabalhos", disse.

Lavrov e Hillary asseguraram que, após o fim das negociações propriamente ditas, as duas partes decidirão o local e a data da cerimônia de assinatura do documento que substituirá o Tratado de Redução de Armas Estratégicas (Start), que expirou em dezembro e foi prorrogado até a assinatura do novo acordo.

Recentemente, Lavrov assegurou que o novo tratado contemplará a vinculação entre o armamento ofensivo - mísseis balísticos - e o defensivo - sistemas antimísseis -, ponto que enfrenta certa resistência por parte dos EUA.

Os presidentes russo e americano decidiram em 2009 que o novo tratado de desarmamento deve reduzir o número de ogivas nucleares de cada país para entre 1.500 e 1.675 em seus primeiros sete anos de vigência.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    1,02
    3,178
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,90
    67.976,80
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host