UOL Notícias Notícias
 

26/03/2010 - 16h46

Dirigente opositor iraquiano está disposto a formar Governo sem exclusões

Bagdá, 26 mar (EFE).- O dirigente da oposição iraquiana Ayad Allawi, cuja aliança ficou em primeiro lugar nas eleições do dia 7 de março, se mostrou hoje disposto a formar alianças sem exclusões para poder formar Governo.

"O povo elegeu de maneira clara esta lista", afirmou Allawi em declarações aos jornalistas após a divulgação dos resultados finais do pleito parlamenta.

De acordo com os dados da Comissão Eleitoral, ainda provisórios, a coalizão liderada por Allawi, Al Iraqiya, obteve 91 das 325 cadeiras disputadas.

Em segundo lugar ficou a coalizão do primeiro-ministro, Nouri al-Maliki, que obteve 89 cadeiras.

"Trabalharei com todas as forças, sem fixar limites, para formar um novo Governo", afirmou Allawi.

Nenhuma das alianças políticas obteve as cadeiras suficientes para formar Governo, por isso que será necessário forjar acordos entre os diferentes grupos.

Allawi, o líder mais visível de uma coalizão que concorreu ao pleito como uma aliança laica integrada por xiitas e sunitas, disse também que estendia a mão aos países vizinhos para apoiar o Iraque neste momento histórico.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,59
    3,276
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host