UOL Notícias Notícias
 

05/04/2010 - 17h01

Departamento de Pando adia contagem de votos em eleições na Bolívia

La Paz, 5 abr (EFE).- A Corte Departamental Eleitoral (CDE) de Pando (departamento do norte da Bolívia) decidiu hoje adiar para amanhã o início da contagem oficial dos votos das eleições de domingo após protestos por parte de seguidores de candidatos rivais em frente ao tribunal.

A porta-voz Marilyn Aguada confirmou à Agência Efe que a CDE "decidiu suspender até amanhã a contagem das cédulas até que sejam finalizadas 100% das urnas da área rural".

Aguada explicou que há um grupo de pessoas que estão protestando às portas das instalações da corte, que teve de ser protegida pela Polícia.

Faltando dados oficiais e segundo pesquisas e "contagens rápidas" divulgadas pela imprensa, a disputa entre os candidatos governistas e a oposição para eleger o prefeito (governador) de Pando segue muito apertada.

As pesquisas indicam que, em Pando, praticamente haveria um empate técnico de 47% a 49% dos votos entre os candidatos Paulo Bravo, do partido opositor Podemos, e José Luis Flores, do partido governista MAS, do presidente Evo Morales.

Flores denunciou fraudes eleitorais ontem à noite na cidade de Cobija, capital de Pando, acusando três delegados de uma mesa eleitoral, os quais serão denunciados pela Procuradoria.

Nos últimos anos, Pando foi palco de um confronto muito duro entre os seguidores dos dois partidos. Em 2008, chegou a ocorrer no departamento um choque armado que tirou a vida de 13 pessoas, a maioria delas camponeses seguidores do partido governista.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    11h59

    -0,23
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h09

    -0,28
    75.763,44
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host