UOL Notícias Notícias
 

10/04/2010 - 09h24

Televisão russa mostra fragmentos de avião que viajava presidente polonês

Moscou, 10 abr (EFE).- A televisão russa mostrou imagens do local da catástrofe aérea na qual morreu neste sábado o presidente da Polônia, Lech Kaczynski, nas quais aparecem fragmentos da aeronave.

O canal "Rossia 24" transmitiu imagens a partir da floresta no qual caiu o avião Tupolev-154 de Kaczynski, perto da cidade russa de Smolensk, de onde é possível ver cauda, uma asa e o trem de pouso.

Nas imagens é possível avistar inúmeras árvores quebradas durante a catástrofe, e dezenas de fragmentos do avião e ainda focos de fumaça, embora as autoridades russas sustentem que após o acidente não houve incêndio a bordo da aeronave.

Segundo fontes da Promotoria russa, o acidente ocorreu perto do aeroporto em Smolensk, em meio a um denso nevoeiro depois de o piloto rejeitar a sugestão de desviar o voo até Moscou ou Minsk, a capital bielo-russa.

"O avião se preparava para aterrissar, mas não chegou a tocar a pista. Pelos primeiros dados, a aeronave bateu em árvores e caiu. Na catástrofe não houve sobreviventes", disse o governador de Smolensk, Sergei Antufiev, à agência "Interfax".

Quando ocorreu a tragédia, esta já era a quarta tentativa de aterrissagem do piloto do Tupolev-154 realizava, por causa das condições de pouca visibilidade.

A Promotoria especula que, previsivelmente, o piloto desceu demais e o avião colidiu contra as árvores.

Logo em seguida à tragédia, o departamento de Interior de Smolensk e o Ministério russo de Assuntos Exteriores confirmaram a morte de todos os passageiros, incluindo o presidente da Polônia.

O líder polonês seguia para uma visita privada à localidade russa de Katyn, perto da fronteira com Belarus, para prestar homenagem aos milhares de oficiais poloneses executados em 1940 pelos serviços secretos soviéticos.

Junto de Kaczynski viajavam altos funcionários poloneses e familiares das vítimas do massacre de Katyn.

O presidente russo, Dmitri Medvedev, enviou a Smolensk o ministro de Situações de Emergência, Sergei Shoigo. Também designado por Medvedev, o chefe do Governo, Vladimir Putin vai liderar uma comissão de investigação do acidente aéreo.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    15h00

    -0,08
    3,264
    Outras moedas
  • Bovespa

    15h00

    1,73
    63.748,60
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host