UOL Notícias Notícias
 

12/04/2010 - 18h29

Brasil e Alemanha estudam criação de fundo comum para pesquisa

São Paulo, 12 abr (EFE).- Os Governos do Brasil e Alemanha estudam a criação de um fundo comum para financiar projetos de pesquisa de iniciativa pública e privada, anunciou hoje em São Paulo a ministra de Educação e Pesquisa alemã, Annette Schavan.

"Pensamos em um fundo comum para financiar projetos com empresas e centros de pesquisa de ambos os países", disse Schavan em entrevista coletiva pelo lançamento do "Ano Brasil-Alemanha de Ciência, Tecnologia e Inovação 2010-2011".

Para Schavan, "o Brasil é um país-chave e o dinheiro (do fundo) não importa tanto, mas sim suas conotações simbólicas".

Segundo a ministra, sua pasta tem um orçamento geral de US$ 13,592 bilhões, enquanto o Ministério da Ciência e Tecnologia conta com US$ 4,077 bilhões.

"Junto a França e Reino Unido, a Alemanha é o segundo maior aliado de cooperação em ciência e tecnologia do Brasil, depois dos Estados Unidos, mas o Governo alemão é o que procurou o Brasil com mais intensidade nos últimos anos nesse campo", relatou o ministro da Ciência e Tecnologia, Sérgio Rezende.

O lançamento em São Paulo do "Ano Brasil-Alemanha de Ciência, Tecnologia e Inovação 2010-2011" contou com um seminário e uma feira empresarial voltados para tais áreas.

Schavan pediu que os participantes do encontro "motivem" as empresas a investir mais em pesquisa e desenvolvimento e "estimulem" os Governos a usar seus recursos nessas áreas.

"A Alemanha é um país no qual a ciência tem grande participação no desenvolvimento da economia", destacou a ministra.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host