UOL Notícias Notícias
 

12/04/2010 - 11h20

R.Unido promete reconstruir economia para ganhar apoio eleitoral

Londres, 12 abr (EFE).- O primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, prometeu hoje reconstruir a economia britânica e defender os serviços públicos ao divulgar o programa eleitoral com o qual espera obter para o Partido Trabalhista um quarto mandato de Governo.

Acompanhado por seus ministros, Brown escolheu o hospital Queen Elizabeth de Birmingham, que será inaugurado no meio do ano, para apresentar o manifesto com o qual busca renovar o apoio eleitoral nas eleições gerais de 6 de maio, para as quais os opositores do Partido Conservador partem como favoritos.

Intitulado "Um Futuro Justo para Todos", o programa é um "plano radical e realista" para o país, que prioriza a recuperação da economia e da confiança do povo britânico na política, após o escândalo de corrupção dos parlamentares.

"É um plano que começa com assegurar a recuperação (econômica) e renovar o Reino Unido como um país mais justo, mais ecologista, que preste contas e seja mais próspero".

Entre outras coisas, Brown afirmou que haverá prudência em matéria de gasto público e será reduzido o déficit em quatro anos, mas sem que isso signifique prejudicar os serviços públicos essenciais, que prometeu proteger.

O Partido Trabalhista não aumentará o imposto sobre os lucros, mas não prometeu que essa garantia se estenda ao imposto sobre valor agregado. Ainda assim, o primeiro-ministro assegura que o imposto não será ampliado para alimentos, roupas infantis, livros, jornais e transporte público.

Os trabalhistas esperam criar 1 milhão de novos empregos, estabelecer um Banco de Investimento Ecologista a fim de canalizar fundos para tecnologias de baixa emissão de carbono e exigir um teste de inglês para os estrangeiros que trabalhem no setor público.

Nesse sentido, o Partido Trabalhista quer que esse teste de idioma se aplique especialmente aos estrangeiros que estejam em contato com o público, como enfermeiras ou funcionários de serviços sociais.

Atualmente, essa exigência só é feita aos médicos, policiais e professores que não sejam da União Europeia (UE).

"Sabemos que os imigrantes com um inglês fluente têm mais possibilidades de trabalhar e isso torna mais fácil a integração. Tornaremos os testes de inglês mais rigorosos e asseguraremos que eles sejam realizados antes que os trabalhadores (estrangeiros) cheguem ao país", insistiu Brown.

Segundo o primeiro-ministro, as indústrias nas quais o Reino Unido se destaca no mundo receberão investimentos e os pequenos empresários também serão apoiados.

Além disso, os trabalhistas prometem aumentar o salário mínimo, que atualmente está em torno de 5,8 libras (6,5 euros) por hora.

Como já antecipou no mês passado o ministro da Economia britânico, Alistair Darling, o imposto sobre a compra de uma casa só será aplicado sobre propriedades que superem as 250 mil libras (277,5 mil euros) a fim de ajudar as pessoas que entram pela primeira vez no mercado habitacional.

Brown qualificou seu programa eleitoral como um texto "ambicioso, mas acessível; audaz, mas realista".

"Não há grandes compromissos de novos gastos, mas há uma determinação para que cada penny (centavo) seja utilizado sabiamente e, como estes planos deixam claro, proteger ao máximo os principais serviços públicos", insistiu.

"Estamos no negócio do futuro e sob minha liderança sempre estaremos no negócio do futuro", disse.

Com a economia em constante incerteza, Brown disse que as eleições de 6 de maio representam a votação "mais importante em uma geração" após a crise econômica global.

"Tenhamos as decisões corretas agora, façamos as eleições corretas e, não só renovaremos nossa economia, mas renovaremos nossa sociedade e política também", acrescentou.

"Nós trabalhistas seremos reformadores inquietos. Reformadores do mercado e do Estado", complementou.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host