UOL Notícias Notícias
 

19/04/2010 - 06h48

Polônia mantém restrições em seu tráfego aéreo

Varsóvia, 19 abr (EFE).- A Polônia decidiu estender as restrições sobre o tráfego aéreo por causa da nuvem de cinza vulcânica procedente da Islândia, informou hoje a Agência Polonesa de Navegação Aérea.

Embora a aterrissagem e decolagem de voos comerciais contínua proibido, foram permitidos os voos de passagem sobre o espaço aéreo polonês, já que estes aparelhos passam a grande altura, acima da nuvem vulcânica.

Também são possíveis os voos a alturas abaixo dos 6.000 metros, sob o pó procedente do vulcão islandês.

O presidente da LOT, a companhia aérea nacional polonesa, Sebastian Mikosz, se mostrou pouco otimista sobre as condições de voo melhorarem nas próximas horas, e reconheceu que sua companhia ainda não avaliou as perdas "milionárias" provocadas pela proibição dos últimos dias.

Os problemas no tráfego aéreo impediram ontem a presença de importantes estadistas de todo o mundo no funeral do presidente polonês, Lech Kaczynski, na Cracóvia.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,48
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,53
    75.604,34
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host