UOL Notícias Notícias
 

04/05/2010 - 15h03

Bloomberg diz que não tolerará reações violentas contra árabes ou muçulmanos

Nova York, 4 mai (EFE).- O prefeito de Nova York, Michael Bloomberg, advertiu hoje que não tolerará reações violentas contra as comunidades árabes ou muçulmanas da cidade, após a detenção de Faisal Shahzad, um americano de origem paquistanesa vinculado ao atentado frustrado em Times Square no fim de semana.

Bloomberg, que parabenizou as forças de segurança da cidade por sua atuação na investigação do incidente, ressaltou que Nova York "não tolerará" atitude racista alguma após a detenção e ressaltou que "há maçãs podres" em todos os grupos.

Shahzad, que obteve cidadania americana em abril de 2009, tem 30 anos e é casado, foi detido na madrugada de terça-feira no aeroporto JFK, em Nova York, quando já tinha embarcado em um avião da Emirates Airlines e viajaria para Dubai.

Bloomberg disse também que os moradores de Nova York e os americanos em geral "não se deixarão intimidar por quem odeia a liberdade que torna esta cidade e este país tão grandes".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host