UOL Notícias Notícias
 

11/05/2010 - 12h04

"Forças poderosas" querem abafar abusos, diz arcebispo de Dublin

Dublin, 11 mai (EFE).- O arcebispo de Dublin, Diarmuid Martin, advertiu que há "forças poderosas" na Igreja Católica irlandesa que preferem manter oculta "a verdade" sobre os abusos sexuais cometidos contra menores por padres pedófilos neste país.

Um dos maiores críticos da cultura do acobertamento que caracterizou durante décadas à hierarquia católica, esse religioso disse que está "triste" diante da falta de progresso no processo de "renovação" da Igreja.

Martin fez as declarações durante uma reunião realizada em Dublin nesta segunda-feira para debater o futuro da Igreja Católica irlandesa e cujo texto foi divulgou hoje.

No documento, o arcebispo se mostra preocupado com os "sinais de negação subconsciente" que detecta em "muitos" companheiros que não querem reconhecer a magnitude do problema causado pelos abusos sexuais.

"Pessoalmente, desde que me transformei em arcebispo de Dublin nunca me senti tão desalentado diante do grau da vontade mostrado para iniciar realmente o que vai ser um processo doloroso de renovação e o que envolve essa renovação", confessou.

Atacou ainda duramente os "acadêmicos e publicitários" da Igreja, que "opinam hoje como analistas nas causas dos escândalos de abusos sexuais, como se estivessem totalmente à margem do escândalo".

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host