UOL Notícias Notícias
 

12/05/2010 - 01h22

Novo ataque em escola deixa 7 crianças mortas na China

Sete crianças morreram e 20 ficaram feridas nesta quarta-feira em novo ataque a um centro educativo chinês, o quinto em menos de dois meses, informou a agência oficial Xinhua. É o quinto ataque deste tipo desde o dia 23 de março.

O ataque aconteceu por volta das 8h pelo horário local (21h de terça-feira em Brasília), em uma creche da localidade de Nanzheng, no município de Hanzhong da província de Shaanxi (centro norte do país), informaram as autoridades locais, que por enquanto não divulgaram dados sobre o agressor (ou agressores) nem sobre as armas utilizadas.

O fato acontece apesar do aumento da segurança nas escolas de todo o país, em resposta à onda de ataques a estudantes.

Histórico

No dia 30 de abril, o fazendeiro Wang Yonglai feriu cinco crianças com um martelo de ferro, depois ateou fogo no próprio corpo para se matar. Um dia antes, na cidade de Taixing, Xu Yuyuan, 47, desempregado, feriu 28 crianças e três adultos em um jardim-de-infância. Cinco estudantes foram levados para o hospital em estado grave.

Ainda em abril, um professor em licença médica por motivo de doença mental invadiu uma escola primária na cidade de Leizhou, na Província de Guangdong, no sul da China e esfaqueou 16 alunos e um professor.

Em março, Minsheng Zheng, 42, matou oito crianças com uma faca na Escola de Ensino Experimental Nanping, no sul da Província chinesa de Fujian. Zheng foi executado em 28 de abril.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host