UOL Notícias Notícias
 
24/05/2010 - 01h08 / Atualizada 24/05/2010 - 01h38

Crise política baixa em 1,5% previsão de crescimento Tailândia

Bangcoc, 24 mai (EFE).- A crise política que a Tailândia sofreu durante dois meses reduziu em 1,5% a previsão de crescimento econômico para 2010, afirmou hoje o Departamento Nacional de Desenvolvimento Social e Econômico (NESDB, na sigla em inglês).

"O impacto foi muito sério (...) a economia tailandesa tinha o potencial de ter crescido 6% ou 7% porque o investimento privado estava aumentando tinha sido restaurada a confiança", disse o secretário-geral do NESDB, Amphon Kittiamphon.

No entanto e apesar de o Produto Interno Bruto (PIB) ter aumentado 12% no primeiro trimestre do ano, Kittiamphon explicou que o efeito dos protestos levou as autoridades a diminuir a previsão anual para 3,5% ou 4,5%.

Quanto às exportações, o NESDB manteve sua previsão de crescimento em 15,5%.

No final de abril, a autoridade monetária central da Tailândia aumentou sua previsão inicial de crescimento de 3,3%-5,3% para 4,3%-5,8%, e ressaltou que teria sido ainda um ponto maior com estabilidade política.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    17h00

    0,40
    3,279
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    0,95
    63.257,36
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host