UOL Notícias Notícias
 
27/05/2010 - 21h38 / Atualizada 27/05/2010 - 22h15

Tubarões atacam mais aos domingos e em lua nova, diz estudo

Miami, 27 mai (EFE).- Os ataques de tubarões ocorrem com mais frequência aos domingos, em lua nova e a surfistas que usam trajes de banho de cor preta e branca, constata um estudo divulgado hoje da Universidade da Flórida (Estados Unidos).

A pesquisa analisou as estatísticas dos ataques de tubarões ocorridas entre 1956 e 2008, no condado americano de Volusia, no centro-leste da Flórida.

O objeto de estudo são 220 dos 231 casos registrados nesse período por existir informações detalhadas, mas também os cientistas observaram durante um ano as pessoas nas praias de Daytona Beach e New Smyrna Beach, na Flórida.

Nessa região há mais interação entre seres humanos e tubarões que em qualquer outra zona litorânea do mundo, destaca George Burgess, diretor do Registro Internacional de Ataques de Tubarões da Universidade, no estudo.

Com mais pessoas na água, há mais chances de haver um encontro com um tubarão. Como geralmente há mais pessoas no mar aos domingos, estes são os dias em que mais ataques ocorrem.

O movimento das mãos e dos pés na água provoca os tubarões e eles mordem as pessoas por engano, confundindo-as com presas.

"Considerá-los ataques é pouco apropriado porque as consequências em geral não são mais graves que uma mordida de cachorro. Não são da classe de mordidas dos tubarões brancos, de três a seis metros de comprimento, que há no litoral da Califórnia", comentou Burgess.

Os tubarões de Volusia medem entre um e dois metros de comprimento e devido a seu tamanho com frequência buscam presas pequenas. Mais de metade das 220 vítimas foram mordidas nas pernas, e 34 nos braços.

Segundo o estudo, 90% das vítimas dos ataques estudados eram homens, 77% tinha entre 11 e 30 anos de idade e 61% eram surfistas.

Outra das conclusões do estudo é que o maior número de ataques sucede durante a lua nova, seguido pela lua cheia, os extremos das fases lunares que influem na maré.

Burgess opina que provavelmente essas fases têm influência sobre os padrões de movimentos e reprodução dos peixes, a principal fonte de alimentos dos tubarões.

O estudo revela também uma preferência dos tubarões pela combinação das cores preto e branco, e em menor medida pela combinação negro-amarelo, de acordo com a roupa de banho que usavam as vítimas.

Entre 1999 e 2008, 21% de todos os ataques de tubarões a humanos registrados no mundo ocorreram na faixa litorânea da Flórida entre Daytona Beach e New Smyrna Beach, de 75 quilômetros de comprimento, e em sua maioria não foram fatais.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host