UOL Notícias Notícias
 
31/05/2010 - 03h16 / Atualizada 31/05/2010 - 03h35

Ataque israelense à frota deixa pelo menos 14 mortos

Jerusalém, 31 mai (EFE).- Pelo menos 14 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas no ataque israelense hoje à "Frota da Liberdade", um grupo de seis navios que transportava mais de 750 pessoas com ajuda humanitária para a Faixa de Gaza, informou a televisão israelense pelo "Canal 10".

"A imagem que vai se formando dos fatos é que há 14 mortos, não dois como se fala na Turquia", revelou o correspondente de assuntos militares do Canal, Chico Menashé.

O "Canal 2" informa que o número de mortos chega entre 16 e 20, mas a informação exata se desconhece porque está sob "censura militar".

Segundo esse canal, o ministro da Defesa de Israel, Ehud Barak, convocou esta manhã uma reunião em Tel Aviv com todos seus assessores "perante os imprevistos resultados de um ataque que se esperava que transcorresse sem vítimas fatais".

A operação, realizada essa madrugada em alto-mar, foi realizada por uma das unidades de elite do Exército que não tem experiência em manifestações civis.

Testemunhas que estão nos navios falam que os soldados israelenses desceram sobre as cobertas vindo de helicópteros e abrindo fogo.

A Polícia israelense foi posta em estado de alerta por temor a distúrbios em Jerusalém Oriental.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,13
    3,270
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -0,51
    63.760,94
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host