UOL Notícias Notícias
 
31/05/2010 - 21h23 / Atualizada 31/05/2010 - 21h33

Corpos em vala clandestina no México podem passar de 40

Chilpancingo (México), 31 mai (EFE)- O número de corpos em uma vala comum clandestina descoberta no fim de semana perto da cidade turística de Taxco, no sul do México, pode passar de 40, acima dos 25 previstos inicialmente.

Entrevistado hoje depois de uma reunião do Tribunal Superior de Justiça (TSJ) em Chilpancingo, capital do estado Guerrero, o assessor da Promotoria Albertico Guinto disse que o cálculo se baseia em fotos feitas no local.

No entanto, até o momento foram desenterrados seis corpos, como informou o governador de Guerrero, Zeferino Torreblanca.

"Estão sendo realizadas as primeiras investigações e é difícil dar uma informação concreta", disse o governador.

No sábado, havia a informação de que pelo menos 25 corpos foram achados, supostamente assassinados pelo crime organizado.

Os investigadores demoram seis horas para tirar cada corpo da fossa, que tem uma profundidade de 180 metros aproximadamente, segundo o governador.

O local foi descoberto depois que militares prenderam 15 pessoas na cidade de Iguala, também em Guerrero.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h59

    -0,15
    3,274
    Outras moedas
  • Bovespa

    10h06

    0,45
    63.539,59
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host