Nuvem de cinza de vulcão afeta tráfego aéreo no Pacífico Sul

Sydney (Austrália), 31 mai (EFE).- A erupção de um vulcão em Vanuatu produziu um enorme nuvem de cinzas e fumaça que está afetando os voos na região do Pacífico Sul, informou hoje a rádio da Nova Zelândia.

Segundo os meteorologistas e vulcanólogos neozelandeses, a coluna de resíduos procedentes do Monte Yasur já tem mais de 1.800 metros de altura e se estende ao longo de cerca de 340 quilômetros quadrados.

A AirCal, companhia aérea da Nova Caledônia - vizinha de Vanuatu - cancelou ou atrasou a saída de vários voos com destino às ilhas Loyalty.

As autoridades de Vanuatu estão estudando qual é o impacto do vulcão nos povoados próximos e proibiu os turistas de visitar a região, enquanto se prepara para evacuar as 6.000 pessoas que vivem nas cercanias do monte na ilha de Tanna.

Há seis meses, centenas de residentes foram desalojados quando o vulcão Gaua, de 3.000 metros de altura e em quase constante atividade desde 1962, entrou em erupção.

Vanuatu é um arquipélago de 82 ilhas - a maioria desabitadas - que se assenta sobre o "Anel de Fogo do Pacífico", uma área de intensa atividade sísmica e vulcânica por ser um ponto de encontro de placas tectônicas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos