UOL Notícias Notícias
 
31/05/2010 - 11h45 / Atualizada 31/05/2010 - 12h05

Santos reitera querer melhorar relações da Colômbia com Equador e Venezuela

Bogotá, 31 mai (EFE).- O candidato presidencial governista, Juan Manuel Santos, mais votado nas eleições de domingo na Colômbia, reafirmou hoje que se vencer no segundo turno de 20 de junho fará "o possível" para melhorar as deterioradas relações com o Equador e a Venezuela.

"Faremos tudo o que for possível para que as relações voltem a ser cordiais e benéficas para os dois povos", disse Santos à "RCN", e admitiu ser "consciente" das enormes perdas econômicas que a crise bilateral está provocando aos cidadãos dos dois países.

O candidato do Partido Social da Unidade Nacional e ex-ministro da Defesa do presidente Álvaro Uribe aposta por "recuperar o que foi perdido" com a Venezuela e "fazer muito mais", porque, segundo ele, os dois países, "de forma natural, têm que trabalhar juntos e complementar-se".

Segundo Santos, a maneira de conseguir isso é fazer "o melhor possível em matéria diplomática para que as relações possam ser restabelecidas em termos cordiais".

As relações bilaterais foram "congeladas" em agosto do ano passado.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, tomou a decisão por causa da assinatura do acordo pelo qual militares americanos podem usar bases na Colômbia para a luta contra o terrorismo e o narcotráfico, que não foi bem recebido na região.

Sobre o Equador, que rompeu relações diplomáticas com a Colômbia em março de 2008, Santos disse querer conversar com "o presidente Rafael Correa e ver como podemos seguir melhorando, porque as relações têm melhorado".

No entanto, lembrou que a vontade de dialogar tem que vir dos dois lados.

Correa rompeu relações com o país vizinho em março de 2008, depois do bombardeio militar colombiano a um acampamento das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) em território equatoriano.

Santos tem um processo penal aberto no Equador pela autoria intelectual do ataque, que aconteceu enquanto ele era ministro da Defesa.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,21
    3,129
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h35

    0,04
    76.004,15
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host