UOL Notícias Notícias
 
31/05/2010 - 11h24 / Atualizada 31/05/2010 - 11h34

Sobe para 14 o número de mortos em Honduras por passagem de "Agatha"

Tegucigalpa, 31 mai (EFE).- Pelo menos 14 pessoas morreram em Honduras por causa das chuvas provocadas pela depressão tropical "Agatha" nos últimos dois dias, informou hoje a Comissão Permanente de Contingências (Copeco).

O subdiretor da Copeco, Randolfo Funes, disse aos jornalistas que as tempestades deixaram 14 mortos, uma pessoa desaparecida, quatro feridas, 3.227 foram retiradas de suas casas e 3.168 tiveram que se refugiar em albergues.

Funes não deu detalhes sobre as circunstâncias das mortes das vítimas, nem onde aconteceram.

O subdiretor acrescentou que outras 3.560 pessoas foram afetadas diretamente pelas chuvas, que danificaram 675 casas, enquanto 63 ficaram completamente destruídas.

A Copeco também registra danos em 27 estradas, 17 pontes, 15 esgotos, cinco escolas e dois edifícios públicos.

Funes disse, além disso, que, segundo um relatório preliminar, 2.526 hectares de plantações foram inundadas pelas cheias de rios e que a Secretaria de Agricultura e Pecuária começará a quantificar hoje os danos sofridos no campo.

As condições do tempo começaram a melhorar na noite de ontem, mas são mantidos, em diferentes graus, os alertas nas regiões sul, centro, oeste e norte de Honduras, disse o subdiretor da Copeco.

"Agatha" também afetou a Guatemala e El Salvador e, no total, causou mais de 100 mortes.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host