UOL Notícias Notícias
 
04/06/2010 - 17h58 / Atualizada 04/06/2010 - 18h15

EUA dizem que "prenderam ou mataram" 34 dos 42 líderes da Al Qaeda no Iraque

Washington, 4 jun (EFE).- As forças americanas e iraquianas "prenderam ou mataram" 34 dos principais 42 líderes da Al Qaeda no Iraque, afirmou hoje o comandante das tropas dos Estados Unidos no país árabe, o general Ray Odierno.

Em declarações à imprensa em Washington, Odierno assegurou que "as prisões ou mortes" no Iraque aconteceram "nos últimos 90 dias mais ou menos".

Os integrantes da Al Qaeda, declarou, "tentarão voltar a tecer suas redes, mas será cada vez mais difícil" com a melhora da situação na segurança no país e a crescente rejeição da população ao grupo.

Segundo o militar, os planos americanos para a retirada do Iraque estão encaminhados e de acordo com o cronograma.

O Governo americano prevê que no fim agosto todas as suas tropas já tenham saído do país.

Atualmente, há cerca de 88 mil soldados americanos no Iraque, mas esse número já chegou a superar os 175 mil.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    09h29

    -0,11
    3,273
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    -1,54
    61.673,49
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host