UOL Notícias Notícias
 
04/06/2010 - 14h27 / Atualizada 04/06/2010 - 14h53

Isaf confirma morte de líder talibã de cidade do sul afegão

Cabul, 4 jun (EFE).- A Força Internacional de Assistência para Segurança (Isaf, na sigla em inglês) confirmou hoje a morte, em uma operação na semana passada, do líder máximo talibã da cidade sulina de Kandahar, chamado de mulá Zergay.

"A morte de Zergay é uma grande perda para a cúpula talibã no sul do Afeganistão", afirma a Isaf em comunicado.

Ele organizava a insurgência nos distritos de Arghandabad e Zharay, onde ocorreu a ofensiva que acabou com sua vida.

"O líder talibã usava explosivos em quase todas as operações e foi diretamente responsável por muitas mortes somente na cidade de Kandahar. Ele chegou ao poder através de campanhas violentas de intimidação contra civis, organizando sequestros e execuções de funcionários do Governo e importantes" afegãos, diz a nota.

Durante o ataque, já informado pela Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) na semana passada sem a notícia da morte de Zergay, um grupo de talibãs enfrentou as tropas internacionais e afegãs com metralhadoras e lançadores de granadas.

Zergay e vários de seus colaboradores próximos morreram durante o combate, segundo o comunicado.

O anúncio da Isaf coincide com o fechamento da assembleia de paz promovida pelo presidente afegão, Hamid Karzai, que pediu concessões para abordar um diálogo formal com o movimento talibã.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h59

    -0,07
    3,144
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h10

    0,33
    68.940,23
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host