UOL Notícias Notícias
 
04/06/2010 - 19h31 / Atualizada 04/06/2010 - 19h34

Nicarágua suspende relações com Israel até fim de agressões

Manágua, 4 jun (EFE).- O Governo da Nicarágua advertiu hoje que a suspensão de relações diplomáticas com Israel "estará vigente até que cessem as atuações agressivas" do país contra o povo palestino que vive na Faixa de Gaza.

O chanceler da Nicarágua, Samuel Santos, informou em entrevista coletiva que a nota com a decisão da Nicarágua de suspender relações com Israel já foi entregue à embaixada israelense na Costa Rica, a que está credenciada perante as autoridades de Manágua.

O Governo tomou tal decisão no dia 31 de maio em protesto ao ataque, na segunda-feira passada, do Exército israelense contra a frota que levava ajuda humanitária à Faixa de Gaza, no qual morreram nove pessoas.

Santos disse que as relações ficarão suspensas até que seja "fielmente cumprida" a ordem do Conselho de Segurança das Nações Unidas para a realização de uma investigação "rápida, imparcial, crível e transparente sobre o ataque".

Ele esclareceu que as relações consulares e econômicas serão mantidas. Segundo ele, na Nicarágua há cidadãos israelenses e em Israel há nicaraguenses.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,67
    3,136
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,31
    75.990,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host