UOL Notícias Notícias
 
09/06/2010 - 04h00 / Atualizada 09/06/2010 - 10h55

Casal fere seis pessoas com ácido sulfúrico em tribunal na China


Em Pequim (China)

Um casal atacou seis pessoas às portas de um tribunal do sudoeste da China usando ácido sulfúrico, e feriu gravemente duas delas, uma semana depois que um homem se suicidou após matar com vários disparos três pessoas durante a realização de um julgamento no centro do país.

Britânica dá chupeta com metadona a bebê e é presa

Uma mulher escocesa foi condenada a três anos de prisão por ter colocado a droga metadona na chupeta de uma criança de 10 semanas para que ela parasse de chorar. Susan Taylor, de 29 anos, havia admitido o crime em setembro do ano passado, mas o caso não havia sido divulgado porque a namorada de Taylor, Lynn Cowan, de 28 anos, também estava sendo julgada.

Segundo as autoridades locais da região autônoma de Guangxi, em declarações publicadas pela agência de notícias "Xinhua", as vítimas são seis funcionários de um tribunal e da Polícia.

O presidente do tribunal do Distrito de Changzhou, na cidade de Wuzhou, e seus subordinados sofreram queimaduras ao serem atingidos pelo ácido quando entravam no recinto.

Ressentimentos pessoais, problemas mentais e a insatisfação perante o sistema de justiça têm causado ataques violentos na China.

O ataque desta quarta-feira acontece após uma série de agressões durante os últimos três meses a escolas e creches, e que deixaram 20 mortos e 80 feridos.

Esta sucessão de fatos abriu um debate na sociedade chinesa sobre as causas profundas dos ataques, como a falta de atendimento psicológico a pessoas com problemas ou a crescente diferença entre ricos e pobres na acelerada economia chinesa.

 

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,54
    3,265
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,36
    64.085,41
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host