UOL Notícias Notícias
 
10/06/2010 - 21h18 / Atualizada 10/06/2010 - 21h21

Golfo do México recebeu até 40 mil barris de petróleo por dia

Washington, 10 jun (EFE).- Cerca de 40 mil barris de petróleo (6,4 milhões de litros) por dia foram derramados no mar durante as primeiras semanas do vazamento de petróleo no Golfo do México, segundo números oficiais apresentados hoje ao Governo dos Estados Unidos.

Os novos cálculos, feitos por uma das três equipes responsáveis pela estimativa, mostram que o derramamento prévio à colocação de um 'funil' de contenção sobre o poço equivalia a entre 20 e 40 mil barris, de acordo um comunicado do centro de informação sobre o acidente.

Até agora, os especialistas calculavam que o fluxo de petróleo alcançava um máximo de 20 mil barris (3,2 milhões de litros).

Uma segunda equipe, que usa sensores e imagens via satélite para calcular a quantidade de petróleo presente no oceano, considera que a média diária de petróleo derramado está entre 12,6 e 21,5 mil barris.

As equipes estudam agora os dados obtidos desde que os encanamentos foram fechados para a colocação do 'funil' e avaliam qual é o fluxo desde então.

As autoridades americanas consideram que, graças ao sistema de contenção instalado na semana passada, é possível recolher 15,8 mil barris diários (2,5 milhões de litros).

A quantidade aumenta diariamente, como disse hoje o almirante da guarda costeira Thad Allen. O objetivo é coletar até 20 mil barris.

O vazamento começou devido à explosão e conseguinte afundamento no mar da plataforma petrolífera Deepwater Horizon, administrada pela BP, em abril. O acidente causou a morte de pelo menos 11 pessoas e é tido como a pior catástrofe ecológica da história dos EUA.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    12h19

    1,25
    3,298
    Outras moedas
  • Bovespa

    12h29

    -2,71
    60.943,22
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host