UOL Notícias Notícias
 
12/06/2010 - 19h43 / Atualizada 12/06/2010 - 20h01

Aumenta para 18 o número de mortos por enchentes no Arkansas

(atualiza o número de vítimas).

Washington, 12 jun (EFE).- As repentinas cheias dos rios Caddo e Little Missouri na sexta-feira, causadas pelas fortes chuvas no estado americano do Arkansas, já causaram a morte de 18 pessoas, informou hoje o escritório do governador desse estado.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, expressou hoje condolências ao governador de Arkansas, Mike Beebe, em ligação telefônica na qual lamentou "a trágica perda de vidas durante as horríveis enchentes", informou a Casa Branca em comunicado.

Obama expressou também sua preocupação "pelos que permanecem desaparecidos".

As equipes de emergência retomaram nesta manhã a busca por desaparecidos no Parque Albert Pike, da reserva natural de Ouachita, com a esperança de encontrar os que acampavam ao longo do curso dos dois rios.

Os grupos de resgate também usaram canoas em busca de corpos nas margens dos rios, que cresceram mais de seis metros durante a noite, alagando os arredores das montanhas de Ouachita.

A cheia do Little Missouri arrasou na sexta-feira um camping repleto de famílias que passavam férias, muitas das quais estavam dormindo nesse momento.

Chade Stover, porta-voz do Departamento de Gestão de Emergências do Arkansas, disse ontem em declarações à imprensa que o centro telefônico habilitado para receber chamadas de pessoas que podem ter perdido parentes ou amigos no camping recebeu ontem perguntas sobre 73 indivíduos.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    -0,31
    3,266
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    1,60
    62.662,48
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host