UOL Notícias Notícias
 
12/06/2010 - 06h39 / Atualizada 12/06/2010 - 06h53

Terroristas supostamente ligados à Al Qaeda explodem oleoduto no Iêmen

Sana, 12 jun (EFE).- Membros de grupos tribais do Iêmen possivelmente vinculados com a rede terrorista internacional Al Qaeda explodiram nesta sexta-feira um importante oleoduto do leste do país, informaram testemunhas.

A tubulação atacada é a única que leva petróleo desde a região nordeste de Marib até a costa do Mar Vermelho.

Os testemunhos recolhidos pela imprensa local destacam que parte do oleoduto seguia em chamas neste sábado na localidade de Al Chabuan, e afirmaram que uma grande quantidade de petróleo segue vazando.

De acordo com as fontes, o atentado foi realizado durante um bombardeio do Exército contra aldeias da região de Al Chabuan e do vale de Ubaida, onde as autoridades acreditam que se escondem membros da Al Qaeda.

O grupo terrorista fixou no Iêmen sua base de operações para a península arábica, e seus redutos são atacados periodicamente pelo Exército iemenita.

A província de Marib, rica em petróleo, é uma das principais regiões de operações da Al Qaeda no Iêmen, e no local há grupos tribais vinculados com a organização terrorista.

No último dia 5 de junho, em Marib, um oficial do Exército e dois de seus seguranças morreram em ataque realizado por membros de uma tribo supostamente ligada à Al Qaeda. Desde então aconteceram operações de represália do Exército.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h59

    0,63
    3,167
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h21

    0,87
    65.667,62
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host