UOL Notícias Notícias
 
19/06/2010 - 12h13 / Atualizada 19/06/2010 - 12h15

Membros de forças de segurança iemenitas morrem em ataque

(Atualiza com número oficial de mortos e oferece mais detalhes) Sana, 19 jun (EFE).- Pelo menos 11 membros morreram hoje, entre elas três mulheres e uma criança, em um ataque de um grupo armado contra a sede dos serviços secretos na cidade litorânea de Áden, no Iêmen 350 quilômetros ao sul de Sana, em uma tentativa de libertar vários presos.

Fontes dos serviços de segurança disseram à Agência Efe que vários homens armados, vestidos com uniformes militares, entraram no começo do dia de hoje no prédio, situado cerca do porto da cidade.

O grupo conseguiu entrar no após enfrentar guardas de segurança, usando granadas, bombas caseiras e armas leves.

As fontes precisaram que os mortos são agentes dos serviços secretos e guardas que vigiavam o prédio.

Algumas testemunhas disseram à Efe que viram os agressores saírem com uma pessoa, alheia ao grupo, antes de fugir.

Moradores de uma casa próxima contaram que viram várias ambulâncias transportando vítimas.

Por enquanto, não se sabe se os agressores pertencem à rede terrorista Al Qaeda ou são membros do movimento separatista do sul do Iêmen.

O Iêmen é o centro de operações da Al Qaeda na península Arábica e enfrenta outros problemas como um movimento separatista no sul e rebeldes xiitas no norte.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    13h28

    0,24
    3,137
    Outras moedas
  • Bovespa

    13h39

    -0,45
    75.659,52
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host