UOL Notícias Notícias
 
21/06/2010 - 01h50 / Atualizada 16/08/2010 - 23h55

Austrália e China assinam acordos no valor de US$ 8,8 bilhões

Sydney (Austrália), 21 jun (EFE).- Austrália e China assinaram acordos comerciais avaliados em US$ 8,80 bilhões nos setores de recursos naturais e energia, segundo anunciou hoje o primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd.

Coincidindo com a visita do vice-presidente chinês, Xi Jinping, foram assinados dez convênios que segundo o líder australiano refletem a forte e crescente cooperação entre Canberra e seu principal parceiro comercial.

Entre os acordos destac-se o compromisso do China Development Bank de fornecer um empréstimo de US$ 1,2 bilhão para o desenvolvimento de uma mina de ferro.

Outro dos pontos assinados permitirá a especialistas e engenheiros chineses trabalhar na expansão do projeto de ferro mineral da Fortescue empresa propriedade do multimilionário Andrew Forrest na região de Pilbara, na Austrália Ocidental.

"Demonstra as relações dinâmicas entre ambos os países neste setor e a forte complementaridade de ambas as economias", disse Rudd através de um comunicado.

Os anúncios também advertem os cidadãos, que nos próximos meses serão convocados às urnas para realizar eleições gerais, dos perigos de debilitar a indústria mineira em tempos de crise econômica.

Siga UOL Notícias

Tempo

No Brasil
No exterior

Trânsito

Cotações

  • Dólar comercial

    16h58

    -0,53
    3,128
    Outras moedas
  • Bovespa

    17h20

    -0,28
    75.389,75
    Outras bolsas
  • Hospedagem: UOL Host